Cresce a procura por algum tipo de seguro no Brasil e o mercado se anima para ofertar planos acessíveis

O Mercado de Seguro fechou o ano passado com alta de 11% e 12,5%, segundo estimativa da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde, Suplementar e Capitalização (CNseg). O fechamento teve um animo maior na expectativa do mercado, mesmo com o inicio da pandemia da Covid-19, mesmo no início.

Segundo a confederação, para este ano, mesmo com todos os problemas mundiais sobre a Covid-19, o mercado deve fechar em alta, até porque, desde o os primeiros infectados no país, o mercado já começou a ter um animo.

Segundo o presidente da SNseg, Marcio Coriolano, o mercado neste ano fechada com acréscimos de 2 dígitos acima do ano anterior já que, por necessidade, os juros baixaram e a oferta aumentou.

Esse crescimento de dois dígitos, deixa o mercado mais animado ainda porque, no mesmo período do ano passado, o mercado estava estagnado, mas em agosto do mesmo ano, teve um aceleramento que fez com que o setor fechasse o ano positivo.

Isso pode te ajudar:

 

Isso se da a alta procura por convênios e por seguros em meio as incertezas da proliferação do novo Coronavírus, com isso, tanto o mercado de seguro auto, quando de seguro de vida, plano de saúde e previdência privada cresceram.

Já a previdência privada, já tinha apresentado um crescimento bom desde que os parlamentares aprovaram as novas regras da previdência. Com isso, também aumentaram o número de empresas que ofertam previdência privada.

Você está em busca de uma seguradora? O legal é estudar bastante porque com o aumento da oferta os valores também estão bastante diferenciados. Recomendamos procurar algum tipo de convenio através de uma corretora com mais de dez anos de mercado.

A fiscalizo seguros, trabalha com convenio hospitalar, saúde, seguro auto e seguro de vida, então caso queira pagar menos na mensalidade, clique aqui e fale com um de nossos corretores.

Scroll Up
Suporte Especializado